quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Mudanças



Dizem que mudei!

Mau seria se depois dos ciquenta anos tal não fosse visível. Será talvez porque gosto agora de usar o xaile maternal a aquecer-me a alma? Porque acaricio as porcelanas desirmanadas que guardo num armário carregado de memórias?

Ou será porque o meu olhar é mais compassivo, mais humilde? Ou então porque começo indelevelmente a repetir gestos paternos e a sorrir sozinha, condescendente com as partidas que o tempo nos prega?

4 comentários:

isabel mendes ferreira disse...

compassiva e materna a ideia do regresso.



belo.



feliz Natal A.


beijo.

ângela marques disse...

Que bom presente, a tua visita!

Beijo, Isa(bela)

LM,paris disse...

O xaile é bonito e aquece bem as costas. Também sou do club do xailinho!
Babillage d'enfant cherche châle et réconfort!
bises LM

isabel mendes ferreira disse...

beijo de bom dia.....



pelas costas do sol.

visitantes da babel