quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

O teatro está de luto

Harold Pinter, 1930 - 2008
Não diremos que está mais pobre o teatro contemporâneo, porque as peças de Harold Pinter continuarão a encher os palcos com o pouco que sempre soube usar habilmente, com o quotidiano aparentemente banal, com a palavra certeira a fazer-nos tremer na cadeira.
Reler, rever Pinter, hoje, é urgente.

Sem comentários:

visitantes da babel