segunda-feira, 1 de junho de 2009

trabalho de casa

Rua Miguel Bombarda, 09

os esgotos
da minha alma
permanecem fechados
a viajantes de passagem.




Fundação de Serralves, 09

a pena esvoaça
sobre a folha
com a mesma
ambiguidade
dos olhos
que a perseguem.

Cabo do Mundo, 09


nem toda a terra
estremece
nem todo o mar
permanece.

9 comentários:

maria josé quintela disse...

todos os olhares são peregrinos.



e todo o chão tem ondas.




um beijo ângela.

José Carlos Brandão disse...

Toda viagem
é de passagem,

toda pena
e amgígua,

a terra estremece
de dor,

o mar permanece
em convulsão.

Tuas palavras instigam, fazem pensar, sentir, criar. São palavras vivas - lavras, larvas, em estado de voo.

beijo.

KrystalDiVerso disse...

"...a pena esvoaça
sobre a folha
com a mesma
ambiguidade
dos olhos
que a perseguem."

Admirável pensamento simples!... Admirável por não o ser, mesmo que a ideia da simplicidade esvoace sobre os olhos de quem a aceita como tal!...
A pena, em sua fragilidade aparente, remete-nos para, em enormes campos de certezas aparentes, a maior fragilidade da terra firme que se sobrepõe a mares que se afogam em firmes certezas de ambiguidade... da terra firme lavrada por firmes e frágeis penas poderosas!...



***peço desculpa pelo "abuso", mas como passo por alguns blogs onde A.M. passa também, decidi navegar até ao seu blog. Valeu a pena e, se não me interditar a entrada... voltarei.


Escolha entre... beijos e abraços

so lonely disse...

como todos nós sou viajante de passagem. de um qualquer lugar para cá. de cá para onde?
e quando?

isabel mendes ferreira disse...

e na singela "baínha" do sorriso que é saudade deixo-te o meu melhor abraço.

aquele que resiste até à face diversa de todos os ângulos.



Obrigada Ângela.


até outro logo.


__________________

Susn F. disse...

Permanece em mim a música que aqui tem agora.

Um beijo ângela

Graça disse...

E que trabalho de casa!

Nunca estou de passagem... estou, somente, porque gosto do teu dizer.

Beijo, Ângela

gabriela rocha martins disse...

andei um pouco afastada dos "trabalhos de casa" ,porque outros me chamaram ,mas a mística prevalece


e as palavras brincam


.
um beijo

Vieira Calado disse...

Muito interessantes.

Bjs

visitantes da babel