sexta-feira, 22 de maio de 2009

ainda a língua



Fotos de Inês MG, Maio 09



apenas
queria
que me conjugasses
na primeira pessoa
do plural.

depois
talvez a língua
fosse mais fácil
de explorar
e dançássemos

uma gramática
na cama desfeita.




9 comentários:

gabriela rocha martins disse...

feliz
mente - regressaste aos pecados

( não capituláveis )

capitais

BRAVO!!!!!


.
um beijo

maria josé quintela disse...

da importância que tem saber gramática!





:)



beijo ângela.

Tchi disse...

...ou um dicionário...

isabel mendes ferreira disse...

bom comento a sério ou brinco?

a brincar....tenho de pegar no meu triciclo voante e ir comprar uma enciclopédia nova.

a sério.... ser-se carne dentro do verbo mais pessoal não é possível.


e saio.


festejando tb a Inês.

Paulo - Intemporal disse...

nós apenas. apenas nós.

na união de tantas as forças.

e já é tanto, no entanto...

amei. mesmo. singular.íssimo.

sublime muito.

um beijo ângela.

isabel mendes ferreira disse...

e sempre a muda nostalgia de se amanhecer num outro lugar. cárneo e explosivo.


rente ao recomeço da linguagem. essa sim impositiva. na diferença de ser-se.


Bom sábado. A.

____________e sim. a liberdade mora algures entre dois pontos precisos. preciosos.

José Carlos Brandão disse...

Queria que me conjugasses,
que me desfolhasses
sob o orvalho do amor.

Beijo.

Graça disse...

...dançar "uma gramática na cama desfeita" é qualquer coisa de belo, dito nesta língua...

Bom domingo, Ângela.

alice disse...

e assim se escreve mais com o idioma da pele do que com o das palavras. vou levar a música, ângela. para uma boa tarde de domingo. que espero também tenhas. um grande beijinho.

visitantes da babel